Como Fazer Arroz Soltinho e sem Errar [ Passo a Passo Delícia ]

O arroz é um prato que faz parte das refeições dos brasileiros e também é muito apreciado em todo o mundo. Na Espanha ele vira Paella, no Japão vira o Gohan usado para sushi, na Itália vira um famoso risoto e por aí vai. No entanto, é fato é que mesmo sendo algo comum, muita gente ainda se atrapalha e não sabe bem como fazer arroz de forma que fique soltinho e saboroso.

O fato é que o arroz é um dos acompanhamentos mais famosos do nosso país, sendo algo simples, saboroso e, além de tudo acessível, para integrar o clássico arroz com feijão que já é patrimônio nacional.

No entanto, nem sempre o mais simples é um sinônimo para o mais fácil e pode ser uma tarefa complicada conseguir fazer um arroz que fique soltinho, especialmente para quem está tentando fazer arroz branco. Por isso mesmo é que hoje vamos falar um pouco mais sobre como fazer arroz e não errar mais, acompanhe.

Dicas de como fazer arroz

Pois bem, como já dissemos, o arroz já é um patrimônio nacional e faz parte da mesa e do dia a dia dos brasileiros. No entanto, nem sempre isso significa que é fácil ter na mesa um arroz soltinho, leve e saboroso, que não vire uma verdadeira papinha.

Pensando nisso, reunimos algumas ótimas dicas de como fazer arroz e ter um ótimo resultado, veja:

  • Lavar ou não lavar o arroz

Depende muito! Antigamente, quem ia fazer arroz branco tinha que lavar os grãos até que a água não ficasse mais branca. Quem é que não lembra dos utensílios para lavar e escorrer o arroz na cada das tias ou avós.

No entanto, a verdade é que hoje em dia, a maioria dos arrozes já vêm lavados e prontos para o preparo, não sendo mais necessário lavar, esperar secar para só depois cozinhar. Isso deixou o dia a dia muito mais prático.

Vale lembrar que também influencia a escolha do arroz, pois aquele que tem os grãos mais quebrados, soltarão mais amido e a chance de empapar é maior.

Sendo assim, é importante lembrar que se você for lavar um arroz que já vem lavado, só estará tirando dele uma quantidade maior de nutrientes e minerais que são importantes. Então, se ele já vier lavado, pode ficar tranquilo que não precisa lavar não!

  • Fitar ou não fritar o arroz

Na dúvida de como fazer arroz, muita gente se pergunta se precisa ou não fritar o arroz antes de colocar ele na água para cozinhas e, novamente, a resposta é: depende!

Alguns arrozes, tais como o parboilizado ou o integral, não precisam serem fritos, pois não correm o risco de ficar empapados. Isso porque eles ainda mantem mais camadas da sua estrutura, que mentem o amido mais no seu interior, evitando que vire papinha.

Já o arroz branco deve sempre ser refogado, para que crie uma crosta e faça com que o grão fique “selado”. Com isso, menos amido é liberado durante o cozimento e a água não engrossa.

Por isso a dica é refogar os grãos em algum tipo de gordura, que pode ser azeite, óleo vegetal, manteiga ou outros. Se quiser, refogue também uma cebola e alho picados e só coloque a água para iniciar o cozimento quando os grãos já estiverem mais branquinhos, mexendo sempre até chegar a esse ponto.

  • Água quente ou água fria no arroz

Quando se fala em como fazer arroz, muita gente tem dúvida se deve colocar água quente ou fria. Pois bem, o melhor é colocar a água quente, mas se você colocar ela fria também não vai dar errado.

A água pode estar quase fervendo ou já fervendo e ela só deve ser acrescentada quando os grãos já estiverem bem refogados. Lembre-se que para o arroz branco a proporção é de duas medidas de água para uma medida de arroz. Ah, e não esqueça do sal!

Depois de colocar a água, use o fogo baixo a médio para concluir o cozimento. Quando a água secar seu arroz estará prontinho!

  • Mexer ou não mexer o arroz

Como já foi explicado, enquanto estiver refogando o arroz branco é importante mexer constantemente para que todos os grãos fiquem igualmente selados e para evitar que queime.

Depois de colocar a água e o sal, mexa apenas uma vez para misturar tudo e evite mexer outras vezes. Não que isso seja proibido, mas não é nada necessário, além de estimular a liberação do amido, podendo deixar o seu arroz uma papinha.

Já no caso de um risoto, por exemplo, mexer é algo essencial e deve ser feito constantemente, justamente pelo fato de que se deseja um arroz cremoso e com uma certa “liga”.

  • Tampar ou não tampar o arroz?

Na dúvida de como fazer arroz, essa é outra pergunta muito frequente e a resposta novamente é: depende!

Isso porque essa decisão vai depender da sua pressa. Entenda que quando você tampa a panela, acaba aumentando a pressão interna e diminuindo a saída do vapor, o que tende a acelerar o processo de cozimento do arroz.

No entanto, você também pode cozinhar com a tampa aberta para evitar que vire, tampando apenas nos minutos finais para que ele fique mais macio.

Pronto, agora você já sabe como fazer arroz soltinho e sem erro e já pode garantir esse acompanhamento na sua refeição, aproveite as dicas!

Leave a Reply